Pages

sábado, 28 de fevereiro de 2009

Obras reconstruídas, inacabadas e paralisadas – I parte

“É Show! Show! Show...”

Veja aqui! O que o Rádio e a TV do lado de lá não mostra para o povo de Coroatá!




.

Vide sob diferentes ângulos, as imagens da ponte que está sendo reconstruída. Ou seja, pela segunda vez, sobre o riacho do Igarapé Grande, afluente do Rio Itapecuru. A ponte interliga o centro urbano à zona rural de Coroatá. Esta ponte foi inaugurada e entregue à população em meados de abril e maio de 2007. O dinheiro enviado pelo governo do estado, através do convênio de resenha nº. 471/2006, no valor de R$ 390 mil reais, via Secretaria de Infra-Estrutura, divulgados no Diário Oficial do Estado, em 20 de junho de 2006 e que, não foram aplicados devidamente. Recebeu para fazer a ponte de concreto, nem uma de madeira nova construiu. O pior é que prestou contas da ponte de concreto como se tivesse feito. Embolsou e gastou todo o dinheiro. Ou melhor, não fez o dever de casa como deveria ser feito; não fez nada! Continua impune com a conivência de algumas autoridades do município, e, é essa a calamidade pública que se vê nas imagens. A nova ponte construída parece mais um ‘Jirau de tábuas’ de péssima qualidade do que propriamente uma ponte dentro dos padrões de engenharia que a obra exige. É simplesmente, uma enganação, uma melação! Sabe-se lá, quantas pessoas novamente serão vitimadas. Agora, em menos de dois anos, a ponte caiu, literalmente falando, e está sendo reconstruída. Os moradores daquela região que necessitam todos os dias daquela ponte; imploram e suplicam diuturnamente para o prefeito concluir a obra, mesmo em pleno inverno. Os moradores dos povoados, a partir do Marajá ao povoado Espírito Santo - limite extremo com o município de São Mateus estão sentindo na própria pele o incômodo, o desconforto, o desprazer e até risco de morte vivida por eles mesmos, durante a época das chuvas intensas que assolam o município. Tudo é fruto do descaso, da omissão e da negligência administrativa ocasionada pela total irresponsabilidade do prefeito Luís da Amovelar (PDT), que nos últimos quatro anos, ‘desviou’ e ‘surrupiou’ o dinheiro público para ser aplicado em outras finalidades. Pelas imagens, além da malversação do dinheiro, novos crimes estão sendo cometidos pelo prefeito. Entre eles; o crime de impacto ambiental. Isto é, pela quantidade de piçarra que vem freneticamente despejada, na tentativa de construir um novo acesso sob as fortes chuvas que caem em Coroatá. Segundo informações junto aos trabalhadores, cerca de 150 caçambadas de piçarra e pedra já foram postas no local. Contudo, esta piçarra é arrastada pelas forças d’água, lançando-a diretamente dentro do Rio Itapecuru. Aumentando consideravelmente, o assoreamento do leito do rio. Inclusive, é um rio de impacto ambiental e de sustentabilidade econômica. Que além de fazer o abastecimento de água potável da capital do estado, as populações ribeirinhas que vivem às margens são bastante prejudicadas, logo em breve, não poderão dar mais o sustento devido às suas famílias.
.
Texto modificado dia 01/03 às 10:20h para acréscimo de informações

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Homem é enterrado vivo no quintal de casa

BALSAS – O corpo de um homem, identificado como Erivan Feitosa de Sousa, de 24 anos, foi encontrado enterrado no quintal de uma residência no município de Balsas. Segundo informações do delegado da cidade, Cleso Zots, as pessoas que alugaram a casa perceberam que próximo à árvore que ficava no quintal, o terreno começou a ceder.

Por curiosidade, os novos moradores resolveram cavar no local para saber o motivo do afundamento. Para surpresa de todos, foi encontrado um cadáver já em estado de decomposição. A polícia foi acionada e começou a investigar como um corpo foi parar no quintal daquela residência.


Investigações

A primeira medida da polícia foi descobrir quem seriam os antigos moradores do imóvel. Populares, que moravam na vizinhança, disseram aos policiais que os últimos moradores seriam quatro pessoas, sendo dois irmãos (Lucas e Paulo), um senhor de idade, que seria o tio dos rapazes, além da vítima, Erivan Sousa, que era amigo da família.

Os policiais conseguiram localizar, a princípio, apenas o senhor de idade, além de uma mulher, que se intitulou ser esposa de Lucas. De acordo com o delegado de Balsas, estas duas pessoas disseram que Lucas e Paulo haviam viajado para trabalhar em uma fazenda. Em seguida, o suposto tio dos irmãos e a mulher foram liberados.

No dia seguinte, a polícia da cidade de Riachão entrou em contato com o delegado de Balsas informando que Lucas, o tio e a mulher estavam naquela cidade. Imediatamente, Cleso Zots ordenou que os suspeitos fossem levados à Balsas para a continuação das investigações.


Confissão

De acordo com o delegado Cleso, Lucas confessou ter matado Erivan Sousa e o enterrado, ainda vivo, no quintal da residência. O homem ainda revelou que ele e o irmão utilizavam nomes falsos.

- Na conversa com o Lucas, ele resolveu falar a verdade. Disse que o nome dele era Cícero Barbosa Ramos e o nome do irmão era Adelson Barbosa Ramos. Cícero é foragido de Pernambuco. Ele matou o Erivam e colocou o corpo dentro do buraco – disse o delegado.
Cícero Barbosa Ramos disse, durante o depoimento, que o motivo do crime foi por que a vítima, Erivam Sousa, havia furtado alguns objetos de onde morava.

- Ele [Cícero] alega que o Erivam teria roubado alguns objetos. Ele [Cícero] encontrou a vítima na rodoviária e o convenceu a voltar, dizendo que entendia a situação. O rapaz aceitou voltar a morar na casa de Cícero – explicou o delegado.

Cleso Zots ainda detalha como Cícero matou Erivam. Segundo as informações do delegado, o assassino aproveitou que estava sozinho com a vítima dentro da casa e deu uma paulada na cabeça de Erivam.

- Quando o irmão [Adelson] viajou para São João dos Patos e o idoso [suposto tio dos irmãos] saiu para beber, Cícero começou a cavar o buraco às 18h. Quando a vítima chegou em casa, por volta das 22h, Cícero deu uma paulada na cabeça de Erivam. Aí, ele puxou a vítima para dentro do buraco, ainda agonizando, e foi botando terra em cima. De manhã, o pessoal perguntou pela vitima, e Cícero respondeu que Erivam havia viajado – disse Cleso.


Cícero Barbosa Ramos estava há seis meses em Balsas vendendo cigarros, bombons, refrigerante em portas de festas. Segundo o delegado de Balsas, Cícero ainda queimou os objetos da vitima, para atrapalhar as investigações.


Desdobramento

A polícia também descobriu que o senhor de idade não possuía nenhum tipo de parentesco com Cícero. De acordo com o delegado de Balsas, o homem de 60 anos era usado como “laranja” por Cícero. O criminoso usava o nome do idoso para realizar compras na cidade. Cleso ainda acredita, que depois de endividar o idoso, o homem também seria morto pelo criminoso.

Reproduzido do portal Imirante.com

Deu na Veja: O drama de Roseana recomeça

Na segunda-feira, Roseana Sarney (foto) chega a São Paulo para dar início ao processo pré-operatório da cirurgia que fará para tratar um aneurisma cerebral. Nos próximos dias ela se internará no Hospital Sírio-Libanês para fazer os principais exames necessários para a operação, considerada delicada e longa. A operação, no entanto, deve ocorrer no Albert Einstein em meados de março. O dia exato será definido a partir dos resultados dos exames.
Como não está podendo pegar avião por recomendação médica, Roseana chegará de carro à capital paulista vinda do Rio de Janeiro, onde passou o carnaval. A proibição do uso do avião significa, no entanto, que caso o TSE decida terça-feira cassar o mandato do governador Jackson Lago e determine a posse de Roseana, ela não poderá ir ao Maranhão e seu vice assumirá o governo.
.
.
TSE: Tudo pronto para o julgamento
.
O presidente do TSE, Carlos Ayres Britto, confirmou o julgamento que poderá decidir a cassação de Jackson Lago para terça-feira. Resta saber se não haverá novos empecilhos. Na semana passada, a sessão acabou sendo adiada por um problema de saúde do ministro Fernando Gonçalves. Britto já consultou o ministro e Gonçalves confirmou a presença na próxima semana.
Antes, o problema tinha sido Joaquim Barbosa, que pediu para não participar do julgamento arguindo-se suspeito e foi substituído por Ricardo Lewandowski. Em casos envolvendo a cassação de mandato, a regra no TSE é só realizar o julgamento com todos os sete ministros presentes.Para evitar futuros questionamentos sobre a legitimidade do voto de Lewandowski - que não acompanhou a leitura do relatório de Eros Grau nem a sustentação dos advogados - essas etapas serão refeitas.
.
Reproduzido do Blog do jornalista Décio Sá

Coroatá contra a dengue, doença, danada!

Não se pode descuidar das medidas preventivas contra o mosquito da Dengue, Aedes aegypti. O combate deve ser empreendido o ano inteiro, através de campanhas sanitárias e de orientações passadas pelos Agentes Comunitários de Saúde do Município. Fiscalizar, monitorar, orientar e detectar os focos das larvas são ações imprescindíveis, para que não haja uma epidemia. Segundo o relatório do Ministério de Saúde, o município de Coroatá está incluído dentro da faixa de risco, com mais 35 outras cidades do interior do estado do Maranhão. Os próximos meses de maio e junho, quando as águas começam abaixar, é a fase tida como a mais crítica. Pois, é o período quando as mesmas permanecem estagnadas, sendo um local de hospedagem para o mosquito da Dengue. É preciso também, que cada cidadão se conscientize. Que todo e qualquer recipiente deixado exposto no período invernoso representa um ‘habitat’ para o mosquito. Portanto, o lixo jogado a céu aberto e acumulado; ou seja, nas ruas e praças e bairros serve como criadouros para proliferar a Dengue. Verificar também, se em sua casa não tem vasilhas que acumulam água. Se as caixas-d’água estão bem tampadas, tanto na sua residência, quanto na do vizinho. A guerra conta a Dengue é constante. É uma causa de cada cidadão. Não existem vacinas ou medicamentos preventivos para combater a Dengue. Segundo informações prestadas pela Secretaria Nacional de Vigilância Sanitária, as pesquisas científicas revelam que o vírus da Dengue está cada dia mais resistente e se apresenta com provável mutação genética. Alerta: quem já teve a doença uma vez, pode ser infectado por um novo tipo de vírus, já que são três linhagens de contágio descoberto. Contudo, não está descartada a possibilidade de vir a ter novamente a mesma doença.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

“De velho” - O julgamento de Jackson está “remarcado para terça-feira 03 de março”

“Sou fió da véia, ô... Eu nún pego nada. A véia tem força lá na encruziháda...”
.
Jackson apela até para “macumba”
.
Não se sabe o que acontece de certo ou de errado quando o julgamento do governador sub judice, Jackson Lago (PDT) entra na pauta do TSE, e logo é suspenso ou adiado por qualquer motivo de força maior ou superior. Está virando rotina e caindo no descrédito por parte das pessoas que creem na Justiça. Colocando-se em xeque a transparência do caso junto ao Poder Judiciário. Uma hora é apresentada questão de fórum íntimo, portanto, a suspeição de um dos sete ministros pode ser auto declarada, considerando-se impedido. Outra hora, repentinamente um súbito mal-estar, e logo, tudo vai por água abaixo. Mas, coisa inédita que chamou-nos atenção, nesta última data, foi o fato de que três mulheres vestidas de branco estiveram por volta das 11:30 hs da manhã em frente à porta do TSE, fazendo uma tremenda pajelança. Elas dançavam, aguavam, benziam e rezavam em estilo afro-brasileiro; rito e estilo tipicamente como se estivessem bailando ‘macumba’. Inclusive, as imagens das três mulheres foram gravadas pelas câmeras de segurança do próprio tribunal. Os homens que faziam à segurança chegaram a sorrir ao ver aquela cena, e não entendiam o ‘por que’ de tantas bênçãos e orações. Mas, logo à noite, antes do início do julgamento, o trabalho encomendado fez efeito mirabolante. O ministro Fernando Gonçalves (STJ), que é um dos dois membros da OAB, e integra a Corte do TSE passou mal ao sair de casa e em seguida, dirigiu-se imediatamente para o Instituto do Coração, com fortes dores no peito. Isto é real! É um fato, não é ‘causo!’. Basta você prezado leitor acessar o site do jornal O Globo, na coluna Panorama Político com a matéria “Lenda Urbana” e ler a matéria. Agora, pasmem leitores? Quem esteve à frente e organizou esse grupo de mulheres rezadeiras? A ex-primeira-dama Alexandra Tavares, que comanda a Secretaria de Articulação com Órgãos Nacionais e Internacionais e a outra por Wagner Lago-irmão, da Representação Institucional do Distrito Federal. Segundo a segurança do TSE, elas sempre chegam e descem de um carro com placas brancas do Maranhão. E derramam a tal essência toda vez que o julgamento é marcado. Pois é minhas amigas e amigos! E não é que está dando resultado esse feito tem um ‘efeito-causa?’. O julgamento já foi adiado três vezes! Digo; novamente remarcado.Porém, somente agora o presidente do TSE autorizou que da próxima vez a segurança proíba a pajelança das ‘macumbeiras’. Afinal, eu acredito só em DEUS! Contudo, vamos aguardar quais serão os novos expedientes adotados pela assessoria do ‘mau velhinho’. Ou seja, para a próxima terça-feira, dia 03, onde provavelmente, será mais uma vez adiado o julgamento. Isto é, apoiado nas forças ocultas, e às forças dos lobistas e advogados filhos de ministros e ex-ministros que circulam os corredores do TSE, diuturnamente tomando cafezinho; coisa e tal... Aguardem! ‘De Velho’ - o próximo capítulo da novela-seriado sobre o ‘julgamento’. Fica no ar: quais as novas e inusitadas quizilas e zique-ziras? Cachimbo, charuto, cachaça, galinha preta, farofa, vela rôxa, sapo cururu, azeite de dendê, água de cheiro e toda urucubaca, mandinga, muito dinheiro, pode pedir, azeite, sapo, brasa, canivete prós ‘véios’ do tribuná! Urreeee... Urreee.... O véio jackson lago voxês nún pode si tirá... Urreee... Que quatro anos, o ‘véio lago’ vai ficá... Urreee... E a cantoria – Sou fiô da véia, ô... Eu nún pego nada...

Melô do velhinho

.
“Sai George Bush,
Entra Obma.
Até agora?
Nada de grana!
&
E nós aqui, no meu Brasil.(2x)
Vamos todos ‘pra ponte que partiu’.
&
Não tem ação, nem o feijão.
Nem segurança, no Maranhão.
A coisa aqui tá um estrago.
Não vejo mar; só vejo LAGO!
&
E o LAGO é só poluição. (2 x)
Infectado com a tal CORRUPÇÃO!
&
Pra aliviar, minha tensão.
E levantar, o meu baixo astral.
O bloco do samba é a solução. (2x)
Vou agitar, “nesse carnaval”.

.
COMENTÁRIOS
.
Essa cai bem, não é? No carnaval do lava-pratos. É só aguardar pro povão comemorar o verdadeiro carnaval da alegria, da paz e do amor. E olhem? Naquele estribilho da primeira parte que diz: “E nós aqui, no meu Brasil”. Vamos todos ‘pra ponte que partiu’. Se bem que pode rimar com outra coisa, não? Use e ouse a sua criatividade – ‘pra PQP’. Falou ó bichão! Guarde com carinho especial esta música e letra, basta copiar para depois cantar. Sem dúvida foi a marchinha mais executada neste carnaval da ‘MARANHENSIDADE 2009’. Agora, entendemos o ‘por que’ da ausência do governador sub judice Jackson Lago (PDT) ficar ausente durante os quatro dias de folia de momo no estado do Maranhão. Mesmo sem gostar de qualquer festa folclórica maranhense, ele sempre prefere passar fora do estado. Odeia qualquer tipo de evento cultural. Pois, todo feriado procura rumo incerto e desconhecido e viaja para outro estado brasileiro, quando não; prefere aspirar ares europeus degustando vinhos e cardápios atípicos. Contemplando assim, os costumes e as mais diferentes paisagens. Contudo, o governador tentou se esconder, porém, foi flagrado pelas lentes do jornal cearense on-line ‘O Povo’, no point bastante movimentado na orla marítima daquela capital, no COCO BEACH. Afinal, governador! O único Carnaval, São João que não presta, é do Maranhão, né?
.
Letra e Música: Grupo Amigos do Samba

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Alguns Vereadores não conhecem o “Regimento Interno da Câmara”

Que vergonha!
.
Fiquei muito desmotivado ao ouvir a última sessão plenária da Câmara Municipal, quando o presidente inteligentemente advertiu alguns vereadores, e citando o artigo que veda e pune a má conduta dos pares em plenário pelo Regimento Interno, principalmente quando não conseguem fazer o ‘aparte’ durante o pequeno e o grande expediente de forma correta. Segundo o vereador-presidente Ciba, que soube repreender veemente os edis, onde deixam claramente o total despreparo para exercer tal cargo e função ao qual lhes foram outorgados pelo povo. É preciso que tais vereadores procurem ler pelo menos o próprio Regimento Interno da Câmara, a Lei Orgânica dos Municípios, a Constituição Federal e terem alguma noção básica de Direito Público Administrativo, para evitarem essa lambança. Creio eu, que os ilustres vereadores recém-eleitos e reeleitos que foram advertidos, não incorram neste erro gravíssimo. A população merece mais e melhor de pessoas bem preparadas para representá-las naquele parlamento. Pois, quem ingressa na vida pública, abraça a causa com seriedade e honestidade e responsabilidade. E sob o meu ponto de vista; em minha opinião tem gente pensando que ser vereador, seja só ‘encher lingüiça’ o tempo todo e que, o povo não está reparando certos comportamentos inadequados, que não condizem com a vida pública, e certamente serão desaprovados ou não às próximas eleições. Afinal, você somente vale quanto pesa. O povo bota, o povo tira. E a bem da verdade que se diga: “teve vereador que não leu na cartilha corretamente, e dançou feio! Pra reeleger-se será um DEUS nos acuda!”

Campanha da fraternidade 2009: “Fraternidade e Segurança Pública”

No Maranhão será lançada sábado, dia 28 de fevereiro, na capital do estado, a Campanha da Fraternidade 2009, pela CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e traz como tema: “Fraternidade e Segurança Pública” e lema: “A Paz é Fruto da Justiça” (Is 32, 17).
Visando combater qualquer tipo de violência, tanto nas pequenas cidades, quanto nas metrópoles, onde o objetivo da campanha pretende despertar e estimular a iniciativa nos próprios cidadãos, através das políticas públicas sociais que também podem ser empreendidas pela sociedade civil organizada e que, não só depende do estado e da polícia; e sim de cada cidadão como estabelece a Constituição Federal. O ponto alto da campanha trata do propósito que é analisar a situação da sociedade brasileira, as questões referentes às relações sociais, aos conflitos, à criminalidade, as políticas públicas de segurança e, principalmente, à relação existente entre corrupção, violência e injustiça social. Aqui em Coroatá, ainda não se viu a manifestação da Diocese Local, através do Bispo Dom Reinaldo Pünder, dos membros das Igrejas Evangélicas, da Prefeitura e do Ministério Públicos e afins. Não importa o credo, a religião, a posição social, opção sexual e grau de instrução. A violência, ela se apresenta sob várias formas, e não tem lugar, e nem hora para acontecer. Ela está dentro de cada ser humano. Ela pode ser desencadeada por qualquer motivo, basta um simples motivo para que ocorra, e a vida é banalizada. Principalmente, o alto índice de mortalidade entre os jovens que estão perdendo suas vidas antes de completarem 20 anos de idade. A violência infantil está cada vez mais se alastrando. Por exemplo, os crimes de pedofilia que acontecem em todos os setores da sociedade, não importando a classe social ou econômica para a prática destes crimes que são abomináveis. Hoje, simplesmente prender o criminoso não é fazer justiça. Para a Igreja Católica é preciso recuperar a vítima e o réu com tratamento de ambos. Submetê-los a uma análise que os reintegra à sociedade, no sentido de ressocializá-los e serem devolvidos ao convívio da mesma. E a sociedade por sua vez, procurar tratá-los sem discriminação nenhuma. No Brasil, a campanha será lançada oficialmente na quarta-feira de cinzas, dia 25. O período de conscientização da população pela Igreja ocorrerá por toda Quaresma, sendo finalizada no Domingo de Ramos. Afinal, a campanha é abrangente, e já começa a ser veiculada nos meios de comunicação a partir desta quarta.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Comentário recebido pelo Blog

Anônimo disse...
.
Há que se voltar 5 anos atrás,para lembrar de que forma era conhecido o Sr.Luis Mendes Ferreira.Era conhecido como o "Luisinho" da movelar,era um cidadão intregro e tinha o carinho e o respeito de quase todos os Coroataenses.Sempre solícito, tinha uma forma atenciosa em atender seus clientes e entidades que solicitavam algum patrocinio para festas,jogos e comemorações de datas festivas.Incentivado por pessoas vingativas e ávidos por dinheiro público,"Luisinho" entrou na politica e usou tudo o que foi escrito aqui sobre os 5 anos atrás para enganar e comprar consciencias.Ganhou as eleições e veio o PODER e com ele toda a impiedosa maldade escondida, que agora todos os Coroataenses já conhecem.Luis da movelar,fez tanta maldade durante estes 4 anos,que certamente ele deve possuir um "mapa da maldade" ou seja;ele deve conhecer as ruas,povoados onde ele mais cometeu atrocidades e que portanto já possui muitos inimigos silenciosos que irão aguardar impacientes a hora do troco.Coroatá é uma cidade pequena e as pessoas estão sempre se encontrando e deve ser duro para quem cometeu tanta maldade, ter sempre que olhar nos olhos suas vitimas.O PODER corrompe e transforma as pessoas mais humildes ou faz com que as boas aparencias camufladas desapareçam.

23 de Fevereiro de 2009 07:42
.
Veja o comentário original aqui

domingo, 22 de fevereiro de 2009

Carnaval 2009!


Blocos dos demitidos x Bota pra moer
.
O bloco carnavalesco que merece destaque nesta temporada, sem dúvida será o ‘Bloco dos Demitidos’, segundo o Blog do Robert Wagner, que merece destaque pela genialidade de ter redigido e postado esta matéria, comentando de forma ríspida e bem humorada a falta de responsabilidade do prefeito Luís da Amovelar ter demitido, aproximadamente quase que 650 pais de família. Isso mesmo! Após ter prometido em praça pública, que jamais demitiria qualquer servidor público, e nem realizaria concurso público em Coroatá. Enfim, todos poderiam ficar tranquilos que não seriam demitidos. Ledo engano do servidor! Que hesitou e vacilou em voltar atrás, quando o mesmo já havia definido o seu voto pela então candidata Teresa (PMDB), durante e após aquela polvorosa caminhada do dia 20 de setembro, sábado, final de tarde e início de noite. Daí por diante, os asseclas do prefeito passaram a elaborar um plano diabólica para reverter à decisão, ora já definida pelo servidor em votar na candidata. Passaram a aliciar e seduzir a maioria dos servidores, através de mimos, brindes e falsas promessas. Vestiram-se com pele de cordeiro para melhor fingir, contudo, eram verdadeiros lobos maus. Sorriam, cumprimentavam e davam tapinhas às costas dos mesmos, sinalizando: “Prepara-te! Se ganharmos as eleições, estás no olho da rua e da amargura”. E assim, a tal promessa foi cumprida! O prefeito se reelegeu, e ao receber o servidor ‘demissionário’ por ele mesmo em seu gabinete. Goza-o zombando: “Você não queria me tirar?”. Agora, quem vai tirar você, sou eu!”. O prefeito adotou uma filosofia de vida maldosa. À moda Amigo-da-Onça! Ou seja, agora no carnaval envia um abraço de urso a cada servidor, ouvindo antigas músicas, cujas letras ainda estão em moda e modernas, tais como: “Me dá um dinheiro aí; Mamãe eu quero; Jardineira; Aurora e etc.”. Mas, aquela da Ivete Sangalo... “Vou de carro velho, amor... Que (não) venha!”. Nem pensar! Que o digam, não é? Os secretários, diretores, professores que aumentam as fileiras do bloco-cordão dos puxa-sacos! Só de carrão novo, não é ‘diretor?’. Ah! Eu ia me esquecendo do ‘Bloco Bota Pra Moer’, comandado pelos aposentados e pensionistas do IPM de Coroatá. Tadinhos deles, com todo respeito! Nem de jegue conseguem ir à agência bancária para ver se o dinheiro já foi depositado. Será? Bom Carnaval 2009, pelo menos brinquem em paz! Depois eu volto com a festa do lava-prato, no dia 03 de março, ok?

Sobre a câmara

Apesar de ter passado por algumas modificações no ambiente físico, os ‘expedientes’ adotados pela Câmara continuam viciados quanto à prática. No afã de atender e cumprir com urgência os projetos de lei encaminhados pelo executivo, a atual Mesa Diretora eleita não mede esforços para aprová-los. O Regimento Interno não é cumprido a risca. Os projetos quando são enviados, só chegam às vésperas da realização das sessões. Assim, alguns pares não têm tempo suficiente para apreciá-los e analisá-los detalhadamente, para em seguida darem o seu voto favorável ou contra. É uma coisa viciada pela contumácia herdada da gestão anterior. Gostaríamos de saber e entender ‘o porquê’ da causa de tanta temerosidade por parte do executivo e do legislativo, no caso dos vereadores que dão sustentação ao governo do município. Por exemplo, se um projeto de lei é encaminhado à Câmara, ele só chega faltando 24 horas antes para ser apreciado e em seguida ser aprovado. E quando enviado, chega com data retroativa de pelo menos 30 dias da realização da sessão plenária, e posto imediatamente em pauta para ser votado em caráter ou regime de urgência pelos vereadores. Quer dizer; a oposição que representa a minoria na casa, além de ter o direito negado pela maioria, em desacordo com o próprio regimento de fazer parte da mesa, o direito também de ser comunicada sobre tais projetos, acontece à mesma coisa. Afinal, a oposição não pode abaixar a cabeça e perder a moral. Tem que procurar a justiça, através do Ministério Público, que por sua vez convocará o presidente da Câmara, para explicar a razão pela qual o Regimento Interno não é cumprido. Já que o regimento Interno permite a participação e a divisão de cargos para compor a Mesa Diretora da Câmara e das Comissões, que desavergonhadamente, os vereadores situacionistas restringem, suprem e vetam esse direito que é garantido pela Constituição Federal. Assim, não dá!

Salmo do dia 22/02 - Domingo

Espero ver a bondade do Senhor
.
SALMO 27,7-14
.
Javé, escuta meu grito de apelo, tem piedade, responde-me! Ouço no meu coração: “Procurem minha face!” — É tua face que eu procuro, Javé. Não afastes teu servo com ira, pois tu és o meu socorro! Não me deixes, não me abandones, meu Deus salvador! Meu pai e minha mãe me abandonaram. Javé, porém, me acolhe! Ensina-me o teu caminho, Javé! Guia-me pela vereda plana, por causa daqueles que me espreitam. Não me entregues à vontade dos meus adversários, pois contra mim falsas testemunhas se levantam, respirando violência. Espero ver a bondade de Javé na terra dos vivos. — Espere em Javé, seja firme! Fortaleça seu coração, e confie em Javé! Sentir-se abandonado por todos é uma situação-limite. Assim o salmista se sente, suplicando a Deus, sua única companhia. Nessa situação terrível, ele expressa sua confiança na proteção e salvação divinas. A esperança do salmista resume seu profundo anseio: uma terra onde todos possam de fato viver. Esperança que, desde os tempos de Abraão, vem marcando a história do povo. Esperança de ontem, esperança de hoje… ORAÇÃO: Quando tudo me parecer perfeito, quando a justiça me parecer verdadeira, que eu não me dê por satisfeito, Senhor. Pelo contrário, que eu possa contemplar-te nos abandonados do mundo. Que eu saiba procurar-te como te procuram os rejeitados por uma sociedade hipócrita. Que eu nunca deixe de buscar e contemplar tua face nas faces dos abandonados e sofredores. Amém.
.
Extraído do livro"365 dias com os Salmos", de Paulo Bazaglia.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

A prefeitura de Coroatá é uma das 57 prováveis devedoras da Previdência Social

Mesmo alegando sigilo fiscal, a Receita Federal não divulga os nomes das prefeituras e câmaras de vereadores envolvidas, nem dos respectivos gestores. Entretanto, há evidências que comprovam a inclusão de Coroatá, consoante o próprio Projeto de Lei nº. 01 de 14 de janeiro de 2009, quando ficou noticiado por este Blog, na matéria já postada com o título – “Incompetência total no IPM de Coroatá gera controvérsia sobre pedido de parcelamento de débito junto a Previdência prevista em Projeto de Lei” – Ou seja, o dinheiro foi descontado de trabalhador, mas NÃO foi repassado para o INSS, diz a Receita Federal. A ação fiscalizadora da Delegacia da Receita Federal do Brasil – RFB em São Luís atingiu 57 prefeituras municipais e câmaras de vereadores. O não recolhimento de contribuição previdenciária atinge o valor de R$ 100 milhões por parte desses órgãos. Se aplicadas às multas e juros, a dívida chega a cerca de R$ 160 milhões. Com base em cruzamento de informações e verificadas ‘in loco’ da movimentação contábil financeira das prefeituras e câmaras, referentes ao período de 2004 a 2008, através da contabilidade pública viciada, embora tivessem descontado o INSS do rendimento do servidor, não fizeram o repasse que teria como destino compor o orçamento da Seguridade Social. Dos R$ 100 milhões não recolhidos, sem o devido reajuste legal atualizado, somente uma prefeitura tem débito apurado de R$ 22 milhões, o que representa um quarto do total. Em relação ao município de Coroatá, o que pesa contra tudo isto, é a falta de sensatez e a de conhecimento sobre a gestão pública. Tiveram quatro anos para arrumar a casa, e a coisa passou batida. Isto se traduz como total negligência e omissão, chegando-se ao descaso por parte dos atuais gestores. No próprio texto da mensagem anexa encaminhada pelo prefeito ao Projeto de Lei deixa muito clara que a NAF – Notificação de Auditoria Fiscal nº. 0009/2006, à época já sinalizava para a negociação do débito apurado junto ao Ministério da Previdência Social, cuja situação do RPPS vinha apresentando perdas em virtude da falta de repasses. E agora? Minhas amigas e amigos! Os servidores do município estão correndo o sério risco de serem mantidos pelo Regime de Previdência Social dos Servidores do Município de Coroatá. Portanto, a gestão passada, e, que é a continuação da mesma deveria ser mais honesta com os servidores, principalmente com os aposentados e pensionistas do IPM, que são constrangidos todos os meses ao se deslocarem às agências bancárias para receber os seus benefícios. Afinal, cabe hoje, aos vereadores de oposição encaminhar e solicitar ao Ministério Público, uma fiscalização profunda antes de aprovarem qualquer projeto de lei, simplesmente a título de dar continuidade e qualificação de forma desconhecida e suspeita para que o prefeito do município receba mais verbas federais, onde a finalidade das mesmas continuará sem destino certo.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Incompetência total no IPM de Coroatá gera controvérsia sobre pedido de parcelamento de débito junto à Previdência Social prevista em projeto de Lei

É inadmissível ver certas pessoas que não estão preparadas para ocupar cargos e funções dentro da administração pública, e ficam escondendo sua incompetência por trás duma cortina de fumaça. Em se tratando do IPM de Coroatá, eu não vi e nem ouvi falar ou divulgar o parecer técnico do TCE, sobre a rejeição e condenação da prestação de conta relativa ao exercício financeiro de 2006, quando na oportunidade ficou claramente constatado o desvio de verbas do instituto, cerca de R$ 200 mil reais. Cujo parecer técnico, apontou ainda, o desvio de conduta do respectivo diretor do órgão, quanto à malversação do erário público municipal. E isto, não foi publicado pelos ‘meios de comunicação oficial do município’. Se é que existem, tais meios. Outra coisa que não ficou esclarecida aos servidores municipais, foi o aumento do novo índice estabelecido pela Previdência Social, ou seja, o INSS determinou que a nova alíquota seja de 11% sobre o valor reajustado e arrecadado em cima do salário a ser pago aos servidores pelo município. Não é caridade, nem é lei municipal. Que fique bem claro! É lei federal sancionada pela presidência da República. E procurando, inteirar-me com gestores anteriores fui informado que nada fizeram de forma ou maneira desordenada. Muito pelo contrário, os beneficiários do IPM de Coroatá, recebiam seus benefícios rigorosamente em dia. Até o oitavo dia útil de cada mês subseqüente. Podiam ir à agência bancária que o benefício estava depositado e disponível em suas contas-correntes. Um fato comprovado por todos eles e que, hoje sofrem os maiores vexames e constrangimentos. O atraso foi sistemático e viciado pela gestão passada e continua na atual. Estes fatos são persistentes e relevantes pela própria análise contábil e técnica financeira levantada, através dos próprios auditores do TCE. Agora, pelo Projeto de Lei nº. 01, de 14 de janeiro de 2009, que a Prefeitura de Coroatá enviou às pressas à Câmara Municipal, o executivo demonstra que nunca deu importância à negociação com o Ministério da Previdência Social, quando relaxou à época a notificação da Previdência Social, através da Notificação de Auditoria Fiscal NAF nº. 0009/2006, que por meio de Termo de Acordo de Parcelamento e Confissão Débitos Previdenciários, com a observância da Orientação Normativa MPS nº. 01 de 25 de janeiro de 2007. Estas contradições estão todas inclusas no bojo do tal Projeto de Lei. Todavia, deveu-se isto tudo, a causa pela qual o atual prefeito não acreditar na sua reeleição. E deixou passar batido o fato. Portanto, somente agora, quando o presidente Lula aperta, impõe e fecha o cerco contra os prefeitos devedores da Previdência a negociarem seus débitos junto à Previdência Social para poderem usufruir dos projetos e verbas federais, neste último encontro, lá em Brasília. Para checar-se a veracidade das informações, basta acessar o site do TCE, MPS e TCU. Acrescento ainda mais, que tal Projeto de Lei, ora encaminhado à Câmara, deixa no ar algumas suspeições, tais como: não consta à informação detalhada sobre o valor total do débito; o valor de cada parcela a ser paga e qual a receita própria do município a ser comprometida para ser descontada cada parcela negociada durante 60 meses. Outro fato importante é a data da mensagem enviada pelo prefeito e do Projeto de Lei que é de 14 de janeiro de 2009. Por que ambas são retroativas à data da primeira sessão da Câmara? Já que o levantamento foi realizado profundamente, está na hora dos vereadores oposicionistas convidarem o diretor do IPM, para fazer devidas explicações sobre o montante do débito levantado por ele de R$ 20 milhões de reais, além de muitas outras dúvidas que existem naquele órgão, não é? Afinal fazemos por intermédio deste Blog, um jornalismo real e investigativo; não informativo. E isto nos dá credibilidade. Não procuramos maquiar a notícia de forma bajulativa.

Governo Municipal de Coroatá tenta oficializar ‘pilantropia’

Através do Projeto de Lei nº. 02, de 19 de janeiro de 2009, inclusive com data retroativa à primeira sessão plenária da Câmara Municipal, a ser realizada, amanhã, dia 20 de fevereiro, o prefeito tenta aprovar e criar às presas e às escondidas, a lei que cria o FMAS - Fundo Municipal de Assistência Social. Um fundo eminentemente com caráter ‘bondoso’, a fim de financiar e alimentar a ‘pilantropia’ no município, principalmente às vésperas das eleições. Onde recursos de natureza duvidosa seriam repassados e carreados para este ‘Fundo’, bancando associações, clubes de mãe, cooperativas, entidades governamentais e não-governamentais sob a forma e pretexto, promover ação de assistência social através de supostas construções, reformas, ampliações, aquisição permanente de bens, produtos e serviços prestados, locações de imóvel, empregos, doações, auxílios, contribuições e transferências de qualquer ordem financeira. A gerência ficaria a cargo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social sob a orientação e controle do CMAS - Conselho Municipal de Assistência Social, onde o suporte logístico dar-se-á com o apoio do Plano Diretor Participativo de Coroatá. Plano Diretor que só consta no papel, pois na prática não existe. Afinal, este ‘Fundo’ seria utilizado como os tentáculos e a extensão dos braços e pernas do prefeito durante a época das eleições, pondo em prática um só e único objetivo: fazer a grande derrama do dinheiro público! Contudo, o que se vê no bojo do projeto; é a disponibilidade dos recursos fartos e fáceis que serão utilizados, inicialmente com tanta bondade, para depois praticar impiedosamente a maldade. Visando sua perpétua permanência no poder. É o jeito de passar por cima das condutas vedadas e previstas em lei pela legislação eleitoral. Se aprovado o projeto, as próximas eleições serão realizadas por intermédio da ‘pilantropia’ institucionalizada e oficializada pelo prefeito de Coroatá.

Charge Digital


quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Tadinho do Jarbas roedor de mangaba!

Para o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), sinônimo de envelhecer é apodrecer. Com todo respeito, o que diria o ex-deputado, ora falecido Ulysses Silveira Guimarães (PMDB-RJ). Um personagem histórico e fundador do antigo MDB e PMDB que teve 11 mandatos de deputado federal consecutivos, e desapareceu no mar há 17 anos, no dia 12 de outubro de 1992 e que, se estivesse vivo, hoje, para ver e ouvir esta lastimável entrevista do senador roedor de mangaba. Não procurou nem respeitar os idosos brasileiros, cuja faixa já pertence, e não reconhece a gafe que cometeu. Segundo a sua entrevista às páginas amarelas da revista Veja, ele ataca veemente o estado do Maranhão. Diz que o senador José Sarney (PMDB-AP) vai transformar o Senado Federal igualzinho ao estado do Maranhão. Ou seja, atrasado! É o estado mais atrasado da federação. Se envelhecer também é retroceder que saiba o senador pernambucano, que ele já deveria retirar-se da vida pública. Aposentar-se de vez! Para se ter o bom exemplo; o exemplo começaria por ele mesmo. Pois, se tratando de velhice, ele demonstra claramente os sinais de total senilidade física e mental. Quanto à segunda declaração de chamar o estado do Maranhão de atrasado, faltou-lhe ética e outros princípios políticos administrativos aliados ao seu ranço, rancor e falta de companheirismo para com seus colegas de partido. Se ele diz; que tem 43 anos de MDB e PMDB, ajudou a fundá-los e que, tem conhecimento de corrupção durante todo estes anos no partido, porque então não denunciou nas tribunas da Câmara e do Senado? Omitir e negligenciar, senador Jarbas, também é crime! É ser cúmplice! Porque somente agora, no apagar das luzes da sua carreira política o senhor procura denegrir a imagem dos seus pares? Será que os seus interesses foram contrariados, Jarbas? Por que não lhe deram o comando do carro para dirigir, não é? Mas, é assim mesmo! Em todo lugar tem o ‘patinho feio’ ou a ‘ovelha negra da família’! Pelo visto, o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) está encoberto e transvertido pelas ideias da suástica neonazista! É o senador que prega o ‘apartheid’ na Região do Nordeste, deixando notoriamente a sua discriminação pelo estado do Maranhão, e por todo e qualquer maranhense que seja destaque dentro da política brasileira. APOSENTA-TE SENADOR ROEDOR DE MANGABA!

Porque não haverá novas eleições na Paraíba, e provavelmente no Maranhão?


O ministro-presidente do TSE, Carlos Ayres Britto afirmou que é uma lição para os políticos à cassação do governador da Paraíba Cássio Cunha Lima (PSDB) e do vice José Lacerda Neto (DEM). Votos viciados que caracterizaram o desvio de conduta, que é vedada pela legislação eleitoral, isto é, a compra de votos pelo abuso de poder econômico e de autoridade será combatida veemente pela Justiça. A decisão é clara do TSE. E para isso não é preciso aplicação do Artigo nº. 81, da Constituição Federal, e nem do Artigo nº. 224 do Código Eleitoral para se fazer novas eleições. Leia na íntegra abaixo, a explicação do próprio ministro que justifica dentro da jurisprudência eleitoral, os seus argumentos bem fundamentados, onde esclarece de vez quem deve assumir o governo da Paraíba. “Por que a eleição foi válida. A eleição no primeiro turno foi válida. Por que válida? Porque ninguém obteve mais de 50% dos votos. Então, se a eleição foi válida. É chamado para assumir o cargo de governador o... Quem obteve o primeiro lugar... Dos... É dos votos válidos, né? Quem obteve a maioria dos votos válidos no primeiro turno. Já que os votos obtidos é... Pelo então governador; pelo governador ainda, Cássio Cunha foram anulados. Essa... Essa nulação retroage ao primeiro turno. Então, a eleição do primeiro turno foi tida válida. Por quê? Porque ninguém nela obteve mais de 50% dos votos. E apurada a... Apurados os votos válidos, Zé Maranhão foi quem obteve a maioria dos votos. Então, ele é quem vai assumir”. Caso semelhante ao da Paraíba é o caso do governador sub judice do estado do Maranhão, Jackson Lago (PDT). Quem acompanha o processo desde o início sabe que a senadora Roseana Sarney (PMDB) obteve a maioria dos votos válidos no primeiro turno nas eleições para o governo do estado em 2006. E se concatenado o argumento da Corte, consoante, a tomada de decisão, ou seja, votar pela cassação do atual governador. O desfecho no Maranhão será igual ao da Paraíba. Portanto, para aqueles intrometidos à politicalha estadual e local fica agora, às claras a decisão da Justiça: que tarda, mas não falha! DEUS é justo e verdadeiro!
.
Clique aqui e ouça o áudio da entrevista direto do Site do TSE

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Comentário recebido pelo Blog

Anônimo disse...
Eu sinceramente fiquei decepcionada com os Junior Buatem ontem na sessão da camamra, Ele poderia ter aproveitado a presença do prefeito e das autoridades e cobrado oporquer das demissões em massa, da perseguição em cima dos funcionários. mas o rapaz gelou e se limitou apenas a dizer que vai votar tudo que o prefeito mandar de bom. O homem se borrou todo.
.
Este é um comentário de um leitor do Blog. Porém, quem quiser comentar está aberto o espaço.
Leia na íntegra o comentário aqui.
.
MORAL DA HISTÓRIA
Parece-nos que a campanha política não terminou! E a dança do pula-pula deve contaminar um, dois ou quem sabe, continuar? Tem gente aí, querendo pular, será? Não acredito! Te cuida, deputado Ricardo Murad (PMDB)! Com tuas crias: COBRA$ e LAGARTO$! Vamos aguardar, minhas amigas e amigos!

Câmara em sessão solene marca a volta do ano legislativo

Ontem, às 19:00 hs, dia 16, a Câmara Municipal em sessão solene registrou a abertura dos trabalhos legislativos para o ano de 2009. Na oportunidade aquele parlamento contou com a presença de populares, a imprensa e autoridades civis, militares e eclesiásticas. A nova Mesa Diretora da Casa é formada pela maioria dos vereadores que dão sustentação ao governo municipal, fato que infringe a lei máxima deste país. Isto é, não obedecendo a Constituição Federal. Onde a minoria tem que ter representatividade dentro do estado democrático de direito. Inclusive, pode ser passivo de interpelação judicial junto à Justiça. Coisa que há muito tempo não se respeita em Coroatá, ou seja, a minoria não tem vez e voz. A primeira sessão plenária será realizada no dia 6 de março. Os atuais vereadores com salários de R$ 3.500 reais, considerados ‘muito’ para não fazerem absolutamente ‘nada’. Foi o que se viu na legislatura passada, obviamente vai ser visto também nesta legislatura. Um eterno ‘recesso branco’. Sob meu ponto de vista, câmaras municipais das cidades de pequeno porte só servem à subserviência do mercantilismo proposto pelo executivo. É apenas “uma avalista para que as maracutaias aconteçam ‘oficializadas” às caladas da noite.
(Fotos site do TSE)

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Comentário recebido pelo Blog

Leia abaixo um comentário enviado por uma Professora que não quis se identificar.


Anônimo disse...
Tem coisas que só acontecem por aquí: Sou professora, há mais de 18anos exerço a profissão de magistério e o meu contrato de trabalho não veio para a minha escola o Complexo Educacional que tem como diretor o professor Edmilson que foi candidato a vereador apoiado pelo senhor secretário Odair José. Pois bem, fui comunicada pelo diretor da escola de forma deselegante no meio dos meus colegas que estava demitida, PERGUNTEI O PORQUE? O Edmilson disse-me que não sabia porquer e disse que não suportava mais o prefeito, que Luiz da Movelar era um vagabundo e ele estava para pedir demissão da escola. Procurei investigar o motivo da demissão e descobrí que o próprio Edmilsom é que tinha me denunciado para o secretário e para o prefeito dizendo que estava participando das passeatas da adversária do prefeito. Mentira, votei em seu Luis, só não votei no Edmilsom porque o conheço, sei que ele é arrogante e prepotente, não conseguiu dá conta de uma escola, é perseguidor e incompetente. Ele, sem pensar nos meus filhos mandou o secretário e o prefeito me demitir e eu que só tinha essa renda agora vou passar fome junto com meus filhos. Mais é isso aí, ele, Edmilsom arrota que ele é quem manda na educação! O que eu posso fazer agora? fui demitida apenas porquer escolhí um outro vereador que não foi o Edmilsom.

16 de Fevereiro de 2009 16:08

.
Leia o comentário original aqui

domingo, 15 de fevereiro de 2009

Salmo do dia 15/02 - Domingo

Quem pode subir à montanha de Deus?
.
SALMO 24,1-6
.
A Javé pertence a terra e tudo o que ela contém, o mundo e os que nele habitam. Ele próprio fundou-a sobre os mares e firmou-a sobre os rios. — Quem pode subir à montanha de Javé? Quem pode estar no seu lugar santo? — Aquele que tem mãos inocentes e coração puro, que não confia nos ídolos, nem faz juramento para enganar. Esse receberá a bênção de Javé, e do seu Deus salvador receberá a justiça. — Essa é a geração dos que procuram Javé, dos que buscam tua face, ó Deus de Jacó. Este salmo era cantado nas procissões do povo. A Arca da aliança era carregada, simbolizando a presença de Javé, o Senhor do universo. Chegando à porta de Jerusalém, a procissão pergunta pelas condições para entrar na cidade e no Templo. Quem presta culto a Deus são aqueles que agem de acordo com a justiça, sem enganar ou explorar o próximo. ORAÇÃO: Senhor do universo, criador da terra e de tudo o que ela contém, eu te peço perdão porque minha vida não é constante procura por ti. Eu te peço perdão porque muitas vezes me esqueço de que o verdadeiro culto consiste em apresentar-te mãos inocentes e vazias, coração puro e aberto para a prática da justiça. Amém.
.
Extraído do livro"365 dias com os Salmos", de Paulo Bazaglia.

sábado, 14 de fevereiro de 2009

Coroatá virou Sucupira do Norte

Quem não se lembra daquela novela das 10 hs, à noite, apresentada pela Rede Globo de Televisão, na década de 70, nos idos 72,73 e 74? Inclusive, a mesma emissora de televisão está fazendo um ‘remake’ para voltar a exibi-la. Pois bem, com essa ‘quantidade de obras’ recentemente inaugurada pela prefeitura, a cidade de Coroatá logo irá se chamar Sucupira do Norte, a cidade cinematográfica da novela o “Bem-Amado”. O prefeito charmar-se-á Odorico Paraguassu. Conhecido personagem e lendário no meio político daquela folclórica cidade. Tudo por causa do seu discurso conter um riquíssimo vocabulário cheio de metáfora e cheio de presepada. Agora, as obras inacabadas, ou melhor, iniciadas à época da campanha política de 2008, são inauguradas pelo prefeito, e a tira-colo leva consigo papagaio de pirata, cujo interesse já se sabe: é totalmente político, visando ser candidato a alguma coisa nas próximas eleições. O que mais se ouviu, foi muito barulho para pouca coisa. O estrondo dos foguetes que foram queimados para dar a impressão d’uma coisa suntuosa está sendo inaugurada. Além das cores dos balões que ornamentavam a ‘bela obra’, que são o azul, branco e amarelo que já sinalizam as cores do futuro partido político do governador e do prefeito que os abrigarão; o PSDB. Já está praticamente ensaiada a saída dos prefeitos pedetistas para o ninho tucano. Não posso acrescer mais informações, pois ainda não conversei com o atual presidente do PSDB em nossa cidade. A suposta articulação política, já chegou aos ouvidos do presidente Lula, e sabe-se que o governador Jackson Lago (PDT), não inspira a sua confiança. A coisa vem se desenhando desde o apoio que o governador hipotecou ao então candidato a prefeito de São Luís, João Castelo (PSDB). Vamos aguardar!É só esperar.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Prefeito de Timbiras em fotomontagem ao lado de Lula e Dilma

Eis aí as fotos manipuladas digitalmente, do prefeito Raimundo Nonato Pessoa (PT), da vizinha cidade de Timbiras, próxima de Coroatá à distância de 36 km, que mostra a suposta foto como ficou ao lado do presidente Lula e da ministra Dilma Rousseff. Isto aconteceu lá em Brasília, durante o último encontro realizado dia 11 de fevereiro de 2009, quarta-feira, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. Queremos aqui registrar a realidade das fotos e dos fatos. Para depois, outros prefeitos não saírem por aí mentindo para o povo que têm acesso e linha direta com o presidente. Ou seja, o mesmo vale para todos os prefeitos brasileiros. Inclusive, a nossa fonte está pesquisando, e em breve iremos postar a do prefeito de Coroatá, que bateu a tal fotomontagem. Foram pouquíssimos prefeitos que tiveram audiência marcada e atendida pela assessoria da presidência da república. Segundo informações da assessoria de comunicação social da presidência, somente 36 prefeituras brasileiras tiveram audiência sobre o meio ambiente com o ministro Celso Minc. Onde na oportunidade trataram assuntos em audiência fechada, visando questões ambientais, cujos municípios estão com processos ambientais na justiça à implantação das obras do PAC. As más línguas cortam os prefeitos que tiraram fotos manipuladas digitalmente, como são mostradas estas do prefeito de Timbiras. Porém, vale ressaltar que foram estabelecidas algumas condições e impostas pelos interlocutores do Planalto: “só tira foto quem assina apoio às eleições de 2010”. – Olha o cara, ó meu! Os prefeitos estão pagando para ter uma fotomontagem com o Lula e a Dilma! Moral da história? Os prefeitos do mato, que não largam o mato sofrem pra caramba! O homem tá podendo, ó meu! Ele é o cara! E os seus assessores que o digam: “Morram de inveja e despeito dele!”.

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Julgamento de Jackson parece acabar em ‘pizza’ ao sabor do ‘Lengalenga’

Ao que tudo indica o julgamento do governador Jackson Lago (PDT) caiu na pauta de rotina do TSE. Sempre haverá um ministro substituto para o titular, uma vez o titular, achando-se suspeito para julgar tal processo. O substituto por sua vez, fará um novo pedido de vista. Até que se esgotem todos os prazos que a legislação brasileira determina, o governador concluirá o seu mandato tranquilamente em pleno gozo do exercício no poder, sem sofrer nenhum impedimento previsto pela legislação eleitoral; Lei de Nº. 9.504/97. E diga-se, uma lei aparentemente rigorosa, porém ‘folclórica’. Ou seja, nenhum governante eleito cometendo as mais esdrúxulas práticas de corrupção jamais será punido por ela. Simplesmente, meia dúzia deles para servirem de exemplo; os tipificados como ‘boi de piranha’. Àqueles políticos que não possuem importância nenhuma dentro do contexto da política nacional. Somente os considerados ‘tubarões’ que abocanham a maior parte do dinheiro público, financiando o ilícito, o ilegal, o imoral e o aético estarão salvos e protegidos por ela. É inadmissível um processo que possui 35 mil folhas, ainda não apresente provas cabais. Onde toda a mídia nacional e mundial levou ao conhecimento de todos, e, somente os ministros do TSE desconhecem a sua causa e efeito. Pelo visto, se fizerem o rodízio dos sete ministros que compõem o TSE, egressos do STJ, STF e a OAB, totalizando trinta e três ministros e que, integram estas cortes de justiça, logo chegamos à conclusão que todos alegarão evidentemente a falta de conhecimento sobre o teor dos documentos constantes no processo e farão sempre novo pedido de vista. De acordo com o Regimento Interno do STF que rege o TSE, o artigo de nº. 134 e 135, §3º, diz: “não participarão do julgamento os ministros que não tenham assistido ao relatório ou aos debates”. Como o ministro substituto Ricardo Lewandowski não participou desde o início, o julgamento ficou renovado para o dia 19 de fevereiro, quinta-feira próxima, para que ele possa ouvir o relatório e as sustentações orais apresentadas pela defesa e acusação. Além de ser relido o relatório pelo ministro-relator Eros Grau, novamente. A proposta foi aceita por unanimidade pelos ministros integrantes da Corte. E assim, será! O mais estranho de tudo isso, foi à decisão repentina do ministro do STF, Joaquim Barbosa, que abriria a sessão dando seu voto, e considerar-se suspeito por questão de fórum íntimo “por fatos supervenientes à primeira assentada em que esse processo foi trazido a julgamento’. Inclusive, o renomado ministro criticou o seu colega, o ministro Arnaldo Vesiani (OAB) por ter pedido vistas do processo de cassação do governador da Paraíba, Cássio Cunha Lima (PSDB), da seguinte forma: “Vossa Excelência está pedindo embargos de declaração? Eu nunca vi isso. Nós já cassamos este governador e parece que estamos com medo de tirá-lo do cargo”, declarou o ministro à época muito contrariado. Agora, é com você caro leitor as suas interpretações e comentários sobre o ‘julgamento do lengalenga... Que cheira à pizza”.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Confirmado: TSE retoma hoje julgamento de Jackson Lago

O Processo já está na pauta de hoje do TSE

Pauta do dia
7ª Sessão Ordinária - 10/02/2009 ( Composição da Corte )
Ag/Rg NO(A) Agravo de Instrumento Nº 9537 ( MINISTRO EROS GRAU )
Origem:
OSASCO-SP
Resumo:
AGRAVO REGIMENTAL INTERPOSTO EM FACE DA DECISÃO QUE NEGOU PROVIMENTO AO AGRAVO DE INSTRUMENTO.

E.Dcl. NO(A) Mandado de Segurança Nº 4137 ( MINISTRO EROS GRAU )
Origem:
SERTANÓPOLIS-PR
Resumo:
EMBARGOS DE DECLARAÇÃO OPOSTOS EM FACE DA DECISÃO QUE NEGOU SEGUIMENTO AO MANDADO DE SEGURANÇA.

RECURSO CONTRA EXPEDIÇÃO DE DIPLOMA Nº 671 ( MINISTRO EROS GRAU )
Origem:
SÃO LUÍS-MA
Resumo:
CAPTAÇÃO ILÍCITA DE SUFRÁGIO
Membro Vista:
FELIX FISCHER



Sessão será transmitida AO VIVO pela TV Justiça a partir das 19:00h horário de Brasília.

Funcionários da rede municipal de Coroatá sofrem retaliação

CARTA ABERTA DE REPÚDIO

A notícia caiu como uma bomba. Vários funcionários da rede municipal estavam demitidos. A tristeza estampada no rosto, bem definida a agonia que tomou conta das pessoas que após anos de lutas e desafios, viam seus sonhos serem arrebatados pelo prefeito LUÍS DA AMOVELAR, que sem nenhuma autoridade e totalmente dominado por seus aliados que só visam o dinheiro público em benefício deles. O mesmo não mediu seus atos e de imediato puniu com retaliação por capricho partidário, sem nenhum direito pessoas dignas que de alguma forma se sacrificaram em prol da educação e da saúde do povo de nossa cidade, simplesmente porque pessoas inescrupulosas que não se garantem profissionalmente ficam apontando quem é A ou B. Ato este que classificamos de vandalismo do exercício da cidadania.

Os direitos das pessoas são feridos e elas aceitam passivamente as decisões de uma minoria que são tomadas nas caladas da noite e sorrateiramente subtraem e jogam fora os direitos adquiridos no decorrer dos tempos através de um advogado de 5ª. É extremamente absurdo que em pleno século XXI, com todo o aparato judicial de que dispomos, nós funcionários principalmente professores formadores de opinião nos deixemos lesar em nossos direito. Nota-se que não há unidade de classe, sendo heterogênea, os problemas se acumularão e tornar-se-ão bem mais difícil de resolvê-los.

A história já nos mostrou que não há governo no mundo capaz de permanecer em pé quando o povo se une e luta pelos seus direitos fazendo reivindicações conscientes e, sobretudo fazendo uso do direito de greve, que é assegurado por lei regulamentar.

Onde estão os professores, que vestiam-se de preto para manifestar seus direitos na Câmara Municipal? Inclusive o Secretário de Educação. Será que a visão dos mesmos se tornou retrógrada? Não! É porque agora eles são mensalões.

O caso das demissões nos leva a enfrentar um problema muito sério: como enfrentar essa situação? Como sobreviver em uma cidade onde a maioria absoluta depende única e exclusivamente da Prefeitura Municipal?

Acreditamos que o senhor prefeito deverá ponderar sobre essa atitude nefasta, e se possível voltar atrás, chamando-nos de volta para o nosso trabalho que conquistamos com dignidade e não por apadrinhamento como vimos nos últimos anos, propiciando o devido respeito que nos pertence e que de maneira brutal sucumbiu.

Pedimos encarecidamente o apoio do Poder Público, dos vereadores da oposição e de toda a população em geral.


Atenciosamente

Todos os funcionários que se encontram com sua dignidade ferida.

Lula se reúne com 3.500 prefeitos hoje em Brasília

O presidente Lula se reúne nesta terça-feira com 3.500 prefeitos, em Brasília. O objetivo da reunião é preparar um pacote de medidas destinados aos municípios. É necessário haver parceria entre União, Estados e Municípios. Segundo o presidente Lula, não adianta ficar brigando com prefeitos e governadores e que a idéia do governo federal é pactuar com Estados e Municípios. Lula voltou a cobrar dos prefeitos mais agilidade para que as obras do PAC sejam concluídas. Para ele: “queremos que essas obras sejam agilizadas, que elas possam andar mais rápido porque, muitas vezes, a demora da licença ambiental, do projeto e do projeto executivo faz cm que uma obra atrase um ano ou dois. É preciso que a gente trabalhe todo mundo junto”. Se for difícil o momento vivido pelo Brasil, por causa da crise financeira mundial e, é preciso gerar emprego e mais renda, na contra mão do evento não deveriam ser gastos R$ 253 milhões para realizar tal encontro. Crise é crise. Portanto, toda despesa deve ser evitada. Hoje, os recursos tecnológicos no mundo moderno. Por que não realizar uma teleconferência, através da internet? Sairia bem mais barato para os cofres da União. Essa história de dizer que todos os prefeitos esperados arcarão com suas despesas, assim como com os gastos das primeiras-damas e secretários municipais é balela. Está havendo muita bondade e generosidade por parte do governo federal, para tão pouca finalidade. Podemos, contudo, dizer que a campanha pelo terceiro mandato já começou muito antes do que se previa. Ou ainda, o presidente Lula está se revelando um exímio cabo eleitoral do seu futuro candidato à presidência da república. Afinal, isso é campanha política eleitoral pura e antecipada.

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Prefeito agride pai de família, a tapas e murros.

No dia 02 de fevereiro, por volta das 19:30 hs, durante a chuva, um cidadão me procurou chorando. Era o senhor Raimundo Ramos de Moraes, presidente da Associação dos Moradores do Bairro Vila Vavá. Contou-me o motivo pelo qual estava chorando. O real motivo do choro foram as TAPAS e MURROS que o prefeito LUÍS DA AMOVELAR (PDT) desferiu-lhe às costas e na cabeça, simplesmente por que havia comentado no local, neste mesmo dia, a vitória do senador José Sarney (PMDB-AP) para o Senado Federal, coisa que irritou o prefeito. Precisamente na antessala da sala de estar do gabinete do prefeito. Inclusive, estava lá atendendo a um pedido do próprio prefeito – que pediu para ele comparecer ao seu gabinete a fim de solucionar a pendência da ajuda de custo à qual recebia desde o mês de outubro do ano passado. O teor da conversa não chegou a acontecer. Isso tudo aconteceu, depois de muito insistir em querer falar com o prefeito, e ser impedido diversas vezes pela segurança, quando foi apanhado de surpresa. Ou seja, o prefeito surgiu repentinamente à sua frente. Quando o prefeito estendeu-lhe a mão, já o agredia com a outra sem nenhuma explicação e sem chance de defesa. Após acalmar-se, relatou para este blog, que o caso se tratava d’uma cobrança pendente, relativa aos dois meses de novembro e dezembro de 2008, que deixou de receber a suposta ajuda de custo do prefeito AMOVELAR. A ajuda de custo era no valor do salário mínimo de R$ 415 reais e que, era repassada ao presidente da associação. O mesmo estranhou o ‘por quê’, de não mais receber tal ajuda, desde 01 de novembro do ano passado. O presidente da associação adiantou ainda que, esta ‘ajuda de custo’ era um ‘cala boca’ dado pelo prefeito a ele, logo no início da campanha política para a eleição de prefeito. E quem havia conseguido para ele, tinha sido um outro suposto, também presidente da mesma associação, e bastante conhecido dos moradores d’Aquele bairro e homem de confiança do grupo político “amovelista”; o professor Batista. O homem responsável pela então ‘articulação política’. O senhor Raimundo Ramos de Moraes, sentiu-se constrangido e humilhado. Após, a agressão sofrida por ele, procurou imediatamente a Delegacia de Polícia para registrar o Boletim de Ocorrência de nº. 324/09 – NATUREZA – CONSTANGIMENTO e LESÃO CORPORAL. RG nº. 306513 SSP/MA, profissão lavrador, casado, residente à Rua da Alegria, nº. 11, bairro da Vila Vavá, Coroatá/Ma, onde ingressará à Justiça, requerendo ação indenizatória por danos morais contra o ato de violência praticado pelo prefeito LUÍS DA AMOVELAR. No momento em que sofreu a agressão, havia várias pessoas presentes no local. Segundo o presidente da associação, o prefeito se fazia acompanhado do COMANDANTE DA GUARDA – MUNICIPAL, do MOTORISTA PARTICULAR e da SECRETARIA CHEFE DE GABINETE, que ainda procurou contornar a situação. Desesperado e aos prantos, imediatamente procurou apoio moral junto ao Sistema TV Cidade Produções, para relatar o caso. Moral da história: amigas e amigos este caso que aconteceu, não é o único caso isolado. Existem outros casos semelhantes a este, com qual fica comprovada a cooptação de votos pelo sufrágio ilícito nas últimas eleições em Coroatá.

Quiproquó – 09/02/2009

- Na madrugada da última quarta-feira, lá no Morro do Machado, ponto turístico de Coroatá, aconteceu um fato inusitado. Dois membros integrantes do governo municipal foram assaltados, juntamente com o proprietário. Tudo aconteceu, quando três homens armados deram voz de assalto a todos que estavam presentes. Levaram uma quantia de dinheiro, aproximadamente em torno de R$ 850 reais. Além de determinarem que as garçonetes e atendentes fritassem carne, enquanto bebiam aquela cerveja estupidamente gelada e sob mira dos revólveres mantinham os ‘ilustres amovelistas’ mobilizados e deitados no chão. Não conformados, ao saírem cortaram os quatro pneus do carro e levaram consigo uma moto, que só muito depois foi localizada no bairro Novo Areal. Segundo informações das próprias vítimas, todo este modus operandis levou em média quase que duas horas, dividindo-se entre o pânico e as cenas hilárias vividas pelos ‘ilustres amovelistas’. Agora, o que nos chama mais atenção é que a Polícia Militar nem deu as caras por lá. Os supostos assaltantes passaram duas horas por lá. Fizeram de tudo, inclusive tomaram cerveja e comeram carne. E cadê a Polícia Militar? Que não se fez nem faz presente dando a devida segurança ao povo! Afinal, o crime não compensa; porém, temos que parabenizar este inusitado assalto ocorrido no Morro do Machado. Segundo o proprietário, é a sexta vez que aquele ponto turístico é assaltado. Portanto, se cuidem baladeiros. Quem for ao morro corre o sério risco de passar tal vexame vivido pelos ‘ilustres amovelistas’.

- Também aconteceu nesta mesma semana que passou a tentativa de sequestrar um preso na Delegacia de Polícia local. Segundo informações, uma camioneta modelo S10 estava com vários homens fortemente armados. A operação do resgate foi abortada devida ser detectada pelo serviço de inteligência da polícia. O suposto resgate era uma prestação de contas pela venda de drogas entre o preso e o grupo que queria a todo custo receber o pagamento da dívida. Porém, como o preso não tinha quitado o débito, ele iria pagar com vida.

- Deu Sarney! Para a tristeza e a frustração do grupo político local que logo trombudo. E não era que eles tinham um arsenal de fogos de artifício para queimarem na segunda-feira, 2, logo após, se o resultado fosse favorável ao senador Tião Viana(PT-AC). Entretanto, a vitória do senador José Sarney (PMDB-AP) foi avassaladora. 49 votos contra os 32 votos do petista. E isso, deixou o vereador petista e presidente da Câmara Municipal furioso. Segundo a sua vizinhança, ao tomar conhecimento do resultado, chegando à porta de sua casa, descendo do seu carro, bateu-s com tanta força que quase a mesma saca. Coitadinha da porta, não é? Ela não tem culpa alguma vereador! Isso só revela o grau de desespero do grupo amovelista. Minhas amigas e amigos vejam quanta estupidez. Os caras iam sair em carreata pelas ruas da cidade, e sem dúvida aqui pareceria o Iraque ou Afeganistão. Ah! Ia me esquecendo: o locutor – de última categoria - já estava embriagado, pois bebia desde as primeiras horas daquela segunda-feira. Dois litros de conhaque e dois centos de limões. Mas valeu a pena! Bebeu, chorou e se embriagou de tristeza.

- Aproveitando o mesmo gancho, até o prefeito sairia também na tal carreata. Seria o último a incorporar o evento. Só que para a tristeza e desespero dele, quem pagou o ‘pato’, foi o presidente da Associação dos Moradores do Bairro Vila Vavá, o senhor Raimundo Ramos de Moraes, que levou murros e tapas na antessala do gabinete do prefeito, com o apoio da segurança do chefe da guarda - municipal, do motorista e de sua secretária - chefe de gabinete. Simplesmente, só por que comentou a vitória do senador José Sarney (PMDB-AP). Moral da história? Esqueceu-se de tomar seu lexotam 6 mg!

- É só para humilhar! É desta forma que eles sentem prazer! Uma servidora da saúde do município foi demitida recentemente. Mandada para casa e que lá aguardasse. Assim fez. Dois dias depois, foi readmitida. Em seguida, foi demitida novamente. Sob o escárnio da zombaria. Inclusive, ela é irmã do diretor do HCC. E isso tudo, praticado por ele mesmo, o diretor do hospital. Que pisa na própria irmã sem dó nem piedade. Demitiu e readmitiu, simplesmente para satisfazer o ego insano para tentar auto-afirmar-se no cargo que ocupa temporariamente. Esquecendo-se que as coisas em Coroatá estão mais do que fruta madura no pé. Pronta para cair a qualquer momento. Não precisa nem ventar muito!

De volta a lengalenga

O governador Jackson Lago e seus aliados vivem um tenso processo de contagem regressiva em relação à retomada, provavelmente nesta terça-feira, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), do julgamento do recurso em que a coligação “Maranhão - A força do Povo” pede a cassação do governador e do vice Luiz Porto por corrupção eleitoral.
Ao contrário dos denunciantes, que mantêm serenidade e não fazem proselitismo nem “cantam” vitória antecipadamente, aguardando a palavra final da Justiça Eleitoral para se manifestar, os partidários do governador, incentivados, e supostamente financiados, pela cúpula do governo, tentam descaracterizar a denúncia e, por via de conseqüência, desacreditar o TSE.
Ontem, por exemplo, um grupo de agentes políticos ligados ao governo percorreu a avenida Litorânea em um trio elétrico atacando violentamente adversários do governador Jackson Lago, Na mesma “ação política”, o grupo distribuiu um panfleto em forma de jornal, no qual também agridem os que não concordam com a continuação de um governo corrompido na origem e que responde a inúmeras denúncias de falcatruas, entre elas o caso Gautama, revelado na Operação Navalha.
De um modo geral, governistas de proa têm manifestado duas posições. Em conversas reservadas com interlocutores “confiáveis”, concordam que a situação do governador é complicada e até admitem a possibilidade de cassação, prometendo, nesse caso, brigar na Justiça para reverter o quadro, inclusive culpando o ex-governador José Reinaldo Tavares. Em público, a conversa muda: dizem que é “armação”, que é “golpe” da “oligarquia” para voltar ao poder.
A “ação política” de ontem na Litorânea vai continuar hoje e amanhã, quando governistas pretendem azucrinar os ouvidos dos maranhenses com a lengalenga pró-Jackson Lago.


ROTEIRO
Pelas regras do TSE, os votos nos processos da Corte são emitidos de forma alternada entre os membros do STF, STJ e OAB, levando em consideração quem seja o relator.
No caso do processo de cassação do governador Jackson Lago, como o relator é do STF, a votação começa pelo STJ (Felix Fischer), passa para o STF (Joaquim Barbosa)
e vai para a OAB (Marcelo Ribeiro ou Arnaldo Versiani), voltando para o STJ (Fernando Gonçalves).
Há quem avalie que se os ministros Félix Fischer e Joaquim Barbosa votarem pela cassação, já era.

PODE VOTAR
Tudo indica que o ministro presidente Ayres Brito também vai participar do julgamento do recurso que pede a cassação do governador Jackson Lago.
Sintoma: o presidente do STJ fez questão de votar no julgamento do governador da Paraíba, mesmo já tendo confirmada a cassação por unanimidade.
Vale lembrar que Ayres Brito foi o primeiro relator do caso, responsável por toda a instrução que embasou o relatório do ministro relator Eros Grau.
.
Reproduzido do jornal “O Estado do Maranhão” Coluna “Estado Maior” de 08 e 09/02/2009.

domingo, 8 de fevereiro de 2009

Salmo do dia 08/02 - Domingo

O rei exulta com tua vitória
.
SALMO 21,2-8
.
Javé, o rei se alegra com tua força, e como exulta com tua vitória! Concedeste o desejo do seu coração, e não lhe negaste o pedido de seus lábios. Pois tu o precedeste com grandes bênçãos, colocaste uma coroa de ouro em sua cabeça. Ele te pediu vida, e tu a concedeste, dias sem fim, para sempre e eternamente. Tua vitória engrandeceu a fama dele, tu o vestiste com honra e esplendor. Sim, tu o estabeleces como bênção para sempre, e, com tua presença, o enches de alegria. Sim, o rei confia em Javé, e jamais vacilará com o amor do Altíssimo. Nesta ação de graças pela vitória do rei percebemos como o povo tem consciência de que é a força de Deus que traz a vitória para o rei. Por isso, trata-se da vitória do próprio Deus. E Deus abençoa a li-derança justa, que não se corrompe com o fascínio do poder; viver na presença de Deus é para a lide-rança a maior bênção. ORAÇÃO: Senhor, obrigado por caminhares conosco. Com tua presença, já conquistamos muitas vitórias. Obrigado também por ainda existirem líderes que não se deixam corromper pelo fascínio do poder. Amém.
.
Extraído do livro"365 dias com os Salmos", de Paulo Bazaglia.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Retomada começa terça

Ficou para terça-feira, 10, a retomada do julgamento, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), do processo em que a coligação “Maranhão - A Força do Povo” pede a cassação do diploma do governador Jackson Lago (PDT) e do vice-governador Luiz Porto (PPS) por corrupção eleitoral. A retomada do julgamento estava prevista para hoje, mas o ministro Félix Fischer, autor do pedido de vista que o interrompeu em dezembro do ano passado, comunicou ontem ao TSE que proferirá seu voto naquela data.
Uma série de informações desencontradas movimentou ontem os bastidores do governo, que esperava para hoje a retomada da manifestação dos ministros do TSE. Só no final da tarde, segundo uma fonte política, o clima tenso diminuiu.
Como é sabido, devido à substância das provas que sustentam a acusação de corrupção eleitoral e abuso de poder em favor da chapa liderada pelo candidato do PDT, o início do julgamento foi inteiramente desfavorável ao governador. No seu relatório, o Ministério Público Eleitoral acatou as nove denúncias que fundamentam o recurso, sugerindo, na conclusão, a cassação dos diplomas dados a Jackson Lago e a Luiz Porto.
O mesmo entendimento teve o relator do processo, ministro Eros Grau, que acatou sete das nove denúncias, num voto longo e bem fundamentado, proferido depois de ouvir as alegações dos três advogados de acusação e dos três que formaram a defesa. Em vários trechos do seu voto, o ministro destaca enfaticamente os crimes cometidos, tendo no final se manifestado pela cassação do diploma de Jackson Lago e seu vice. E com um dado também sugerido pelo Ministério Público Eleitoral: ordenou que o segundo colocado na eleição, a senadora Roseana Sarney, seja empossada imediatamente.
Como todo o país assistiu, o julgamento foi interrompidocom o parecer do MPE e o voto do ministro-relator pela cassação. Vale aguardar o voto dos outros seis ministros, a começar por Félix Fischer.
.
Reproduzido da coluna “Estado Maior” do jornal “O Estado do Maranhão” de 05/02/2008

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Só para lembrar...

Notas publicadas na coluna Radar, Radar Online e Holofote, da revista Veja (Edição 2097 / 28 de janeiro de 2009):

Dias D
A propósito, a primeira semana de fevereiro é a mais importante do ano para a família Sarney. Em dois dias, será decidido o tamanho do poder e da influência que os Sarney terão nos próximos anos no Brasil. No dia 2, acontece a eleição à presidência do Senado. E, no dia 4, o TSE se reúne para decidir se cassa o mandato de Jackson Lago por abuso de poder econômico, o que levaria Roseana Sarney de volta ao governo do Maranhão. (Radar)

ELEIÇÕES NO CONGRESSO
Eu juro que…
Há políticos apostando que até o dia 2, Tião Viana tira o time de campo e abandona a disputa pela presidência do Senado. Mas e as repetidas entrevistas e declarações em contrário de Tião?
Bem, assim como José Sarney passou cinco meses jurando que não sairia candidato e saiu; Tião dirá que não renuncia por nada neste mundo - até a hora em que renunciar… (Radar Online)

Política compensatória
O Palácio do Planalto já foi informado de que a líder do governo no Congresso, Roseana Sarney, entregará o cargo nos primeiros dias de fevereiro. Dirá ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva que deixa o cargo para tratar um aneurisma cerebral. É verdade, mas sua decisão tem um benefício evidente para a campanha de seu pai, José Sarney, candidato do PMDB à presidência do Senado. A renúncia de Roseana abre espaço para que Lula compense o PT, caso se confirme que o senador acriano Tião Viana é mesmo o azarão na disputa com Sarney. (Holofote).

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Pelo visto: vai dá José Sarney na cabeça... É 15!

Prestígio é prestígio. Quem já foi rei, sempre será majestade. Segundo o presidente Lula: “Sarney você está acima de qualquer partido”. É isso mesmo, meu camarada! Que os petistas, pedetistas e todos os outro ‘pês’ que existem por aí; me desculpem! Mas, o homem está praticamente eleito para a presidência do Senado. Outro cardeal do PT que teceu elogios ao senador Sarney, foi o ex-deputado e ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu. Ao afirmar que a presidência do senado ficará mais fortalecida sendo ocupada por uma pessoa influente, experiente e versátil. Que tem a capacidade do diálogo e que, pode contornar turbulências em qualquer setor do governo. Estas são as verdadeiras declarações e o respeito que pessoas equilibradas e normais fazem ao senador Sarney. Enquanto isso, alguns depauperados e aloprados da ala xiita do PT, arguem ao protestarem dizendo, que Sarney eleito para a presidência do Senado será um retrocesso. Quem é ele? Ele mesmo! O tresloucado deputado federal Domingos Dutra (PT). Que nunca mais comeu um tatu no leite de coco. Agora, só bebe uísque escocês e só come caviar. Aqui nos rincões dos interiores do Maranhão, nem água de cacimba bebe mais. Não é Dutra, mimético, digo; camaleônico? Afinal, é um dom que ele tem: na teoria é um discurso. Na prática é outra. Tem gente aqui, em Coroatá que é o clone dele. Agora, imagine quem o seja! Ah... Só pra lembrar: hoje dia 2 de fevereiro, a eleição do senador Sarney. A partir do dia 5, quinta-feira. Tchan! Tchananan... Advinhas o quê?

© Copyright 2008 - Idalgo Lacerda.